• Cláudio Veríssimo

O que é uma fintech?

Na atualidade uma fintech atua trazendo muitas facilidades e seu objetivo é unir a parte financeira com a tecnologia. Dessa forma, entenda que elas vieram para revolucionar o mercado e permitem muitas funções diferentes.


Assim, você precisa estar atualizado para que possa aproveitar as oportunidades que surgem nesse setor. Então é sobre isso que estaremos falando nesse artigo que trará muitas informações interessantes.



Fintech


Definição de fintech


De uma maneira resumida, as fintechs são empresas que buscam alinhar a tecnologia com as finanças. Nesse sentido, o próprio nome já indica o principal objetivo pela qual elas foram criadas no mercado.


Pois, temos os termos Financial e Technology que traduzidos ficam Financeiro e Tecnologia. Desse modo, saiba que essas empresas pretendem remodelar todos os módulos financeiros utilizando a própria tecnologia atual.


Embora os bancos digitais sejam os mais conhecidos, a fintech pode ser usada para outras áreas, tais como:

  • Pagamentos: são criadas visando facilitar a compra e a venda, podendo contar com cartões e maquininhas;

  • Empréstimos: permitir a realização dessa tarefa com juros mais baixos;

  • Crowdfunding: serve para criar um financiamento coletivo para um determinado projeto;

  • Bitcoins: são utilizadas para efetuar transações com as moedas virtuais que tem crescido atualmente;

  • Finanças: voltada para uma melhor administração e planejamento do seu orçamento;

  • Investimentos: aqui é possível investir com segurança no mercado financeiro e ainda conseguir lucros.

Sem dúvida, essas empresas incluem a tecnologia para que todos possam ter acesso aos serviços. Dessa maneira, basta utilizar a internet do seu computador, celular ou tablet para ingressar nesse mundo digital.



Quais são as principais diferenças entre a startup e uma fintech?


A fim de facilitar essa compreensão vamos observar algumas características apresentadas pelas startups:

  • São focadas na inovação;

  • Utilizam a tecnologia;

  • Seu custo é considerado mais baixo;

  • Busca ser escalável em relação ao seu crescimento;

  • Dinâmica;

  • Rápida ascensão em seu ramo de atuação;

  • Consegue refazer serviços;

  • Permite com que a burocracia seja menor;

  • Barateia os produtos para os seus clientes.

Entretanto, a fintech consegue ir além de tudo isso e é muito mais evoluída no ramo financeiro. Confira quais são os pontos que definem essas empresas:

  • Tem como base o fato de ser 100% digital;

  • Seus serviços no ramo financeiro são diferentes dos que são apresentados normalmente (padrões);

  • Possui modelos inovadores;

  • Seus gastos são menores devido a não ter uma grande estrutura física;

  • Focado apenas no cliente;

  • Evita toda a burocracia do setor financeiro;

  • Comunicação muito mais eficiente e com boa transparência.

Portanto, as fintechs são essenciais para quem busca maior facilidade e rapidez nos processos financeiros. Assim, conheça cada uma delas e comece hoje mesmo a utilizar as suas funções.


Artigo escrito por Cláudio Veríssimo: Escritor e Redator (Freelancer).

Com experiência de 2 anos como Redator e Escritor, Cláudio é Técnico em Informática, Publicitário e Pós-graduado em MBA Em Comunicação e Marketing.

Ele também já escreveu centenas de artigos para a internet com configuração SEO e todos os seus textos são de autoria própria. Em breve será lançado o seu e-book "Aprendendo a Jogar Xadrez".


Proibida a cópia ou reprodução do artigo sem o consentimento do autor.

Global Conhecimentos é um website com artigos diversos que visam trazer conhecimentos aos usuários.

O objetivo principal é trazer informações e diversão para os leitores. 

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Pinterest
  • Tumblr Social Icon
  • Instagram