• Cláudio Veríssimo

O que é um investidor-anjo?

Atualizado: há 2 dias

No ramo do empreendedorismo temos um conceito que é chamado de investidor-anjo. Dessa forma, esse termo indica uma ajuda recebida por uma empresa ou startup que demonstra ter boas chances de crescimento.


Assim, essas pessoas que aplicam dinheiro nessas companhias são aquelas que acreditam num sucesso futuro das mesmas. Então é sobre isso que estaremos falando nesse artigo onde falaremos sobre esse assunto.


Investidor-anjo

Definição de investidor-anjo


De uma forma resumida o investidor-anjo pode ser uma pessoa física ou mesmo jurídica que realiza investimentos. Nesse sentido, ele aplicará esse dinheiro tanto em novas empresas ou mesmo em startups.


Pois eles enxergam um grande potencial nelas e acreditam que futuramente serão obtidos bons resultados. Dessa maneira, esses investimentos ajudarão no crescimento e também na expansão dos negócios.


Além disso, esse termo foi criado no começo do século 20 nos Estados Unidos por parte dos investidores. Já que eles ajudavam com os gastos que eram necessários nas peças realizadas na Broadway.


Com isso, eles obtém uma parte dos valores que retornam mediante a essa grande ajuda prestada. Vale lembrar que esse tipo de investidor é importante também no quesito experiência e para ensinar o que ele sabe.


Enquanto que a rede de contatos dele auxiliará na expansão dos negócios e isso será de grande valia. No próximo tópico estaremos trazendo mais detalhes a respeito dessa categoria de investimentos e da sua importância.



Quais são as vantagens de ter um investidor-anjo?


Agora que já sabemos o que é um investidor-anjo é interessante entender quais são as vantagens apresentadas. No caso, ambos os lados acabam sendo beneficiados, pois o trabalho será feito em equipe.


Por parte do investidor ele poderá oferecer os seguintes serviços:

  • Ajudar nos retornos positivos de capital;

  • Trazer a sua experiência aos negócios;

  • Contar com uma rede de contatos sólida;

  • Fazer a empresa/startup obter crescimento.

Embora ele seja um sócio minoritário as chances de sucesso serão maiores mediante a sua presença no local. Contudo, ele deverá atuar apenas como um conselheiro ou mesmo mentor visando trazer melhorias.


Por certo, os investimentos podem ser bem altos por parte desses investidores, chegando até mesmo aos 200 mil. Certamente a expansão dos negócios e o crescimento dele ajuda a gerar novos empregos.


Alguns exemplos de empresas que utilizaram o investidor-anjo e que conseguiram sucesso são:

  • Apple;

  • Google;

  • Facebook.

Geralmente nas empresas esse tipo de investimento costuma ser realizado em um grupo com 5 até 30 pessoas. Assim, pelo menos 2 deles serão considerados como sendo líderes e irão comandar o projeto.


Portanto, essa categoria é muito importante e o seu auxílio consegue ajudar as pequenas empresas a crescerem. Sem dúvida, o ramo de empreendedorismo apresenta muitos conceitos interessantes e eficazes.


Artigo escrito por Cláudio Veríssimo: Escritor e Redator (Freelancer).

Com experiência de 2 anos como Redator e Escritor, Cláudio é Técnico em Informática, Publicitário e Pós-graduado em MBA Em Comunicação e Marketing.

Ele também já escreveu centenas de artigos para a internet com configuração SEO e todos os seus textos são de autoria própria. Em breve será lançado o seu e-book "Aprendendo a Jogar Xadrez".

Proibida a cópia ou reprodução do artigo sem o consentimento do autor.

Global Conhecimentos é um website com artigos diversos que visam trazer conhecimentos aos usuários.

O objetivo principal é trazer informações e diversão para os leitores. 

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Pinterest
  • Tumblr Social Icon
  • Instagram